Notícias

Câmara apura denúncia a respeito da empresa Esquadra e da Fundação Renova

Reuniões de Comissões
32
6

Durante a reunião da Comissão de Direitos Humanos, realizada na última quinta-feira (18), a Câmara apurou a denúncia contra a empresa Esquadra e a Fundação Renova. Protocolada sob o número 24/2021, a denúncia foi feita por Maicon Jonathan da Silva, que prestava serviços para a Esquadra.

No decorrer da reunião, a Comissão escutou o denunciante para iniciar o entendimento do caso. De acordo com Maicon da Silva, a empresa Esquadra, contratada pela Fundação Renova, encerrou seu contrato com a Fundação e forçou seus trabalhadores a aceitarem acordo de receber parcelado seus acertos e pagamentos.
O trabalhador afirmou que a Esquadra, além de parcelar os acertos e pagamentos, não cumpriu com o acordado, já que não realiza pagamentos desde o ano passado. De acordo com Maicon da Silva a “empresa agiu de má fé” lesando milhares de trabalhadores entre os estados de Espirito Santo e Minas Gerais. Em Mariana seriam aproximadamente 40 trabalhadores na mesma situação do denunciante. A Comissão de Direitos Humanos solicitou uma nova reunião que acontece na próxima quinta-feira, dia 25/02, às 9h, para seguir na apuração da denúncia.
Comentários