Notícias

Expoentes da Educação, da Cultura e que se dedicam a ações sociais e à luta pela igualdade racial serão reconhecidos pela Câmara de Mariana

Sessões Solenes
66
1
Convite da cerimônia.

Na próxima semana, a Câmara de Mariana realizará a outorga de quatro comendas em reconhecimento a iniciativas nas áreas da Educação, da Cultura, Social e Racial que contribuem para o desenvolvimento do município. Os diplomas de Mérito Educacional Professora Naná Moysés, Mérito Cultural Padre José Dias Avelar, Mérito Social Monsenhor Vicente Diláscio e  Mérito Racial Dom Silvério Gomes Pimenta serão concedidos em sessão solene dia 25 de outubro (sexta-feira), às 19 horas, no Cine Teatro Municipal de Mariana.

O Mérito Cultural Padre José Dias Avelar foi criado pela Lei nº 1.351, em 1998, ano do centenário do religioso que leva seu nome e é sinônimo de caridade e evangelização. Padre Avelar deixou como legado em Mariana a escola homônima que inspira nos marianenses o espírito de pertencimento advindo da educação e cultura. Em sua memória, a Câmara concederá o Mérito Cultural à Biblioteca Pública Municipal Benjamin Lemos e à Orquestra e Coro Mestre Vicente.

O Mérito Social Monsenhor Vicente Diláscio foi criado pela Lei nº 1.980 de 2006 e tem como patrono a personalidade que contribuiu para a evangelização, cultura e assistência social em Mariana, tendo fundado o Hospital Monsenhor Horta e, posteriormente, criado as creches e o asilo que integram as Obras Sociais Monsenhor Horta. Serão homenageados com a honraria a coordenadora da Comunidade da Figueira, Solange Ribeiro dos Santos Reis, e o militante do projeto Horta Pop Rua, Wilton Ferreira dos Santos.

A presidente do Conselho Municipal de Promoção da Igualdade Racial – COMPIR, Aida Ribeiro Anacleto, será agraciada este ano com o Mérito Racial Dom Silvério Gomes Pimenta. A comenda foi criada pela Lei nº 2.527 de 2011 e tem como patrono o sacerdote, professor, poeta, jornalista e biógrafo Dom Silvério. O patrono também foi bispo e arcebispo de Mariana, quando nesta função foi o primeiro religioso negro a alcançar tais postos na hierarquia da igreja no Brasil, tendo sido, também, o primeiro prelado brasileiro com assento entre os escritores consagrados pela Academia Brasileira de Letras.

Durante a cerimônia 15 professores receberão a comenda do Mérito Educacional Professora Naná Moysés. São eles: Cíntia Cristina da Silva; Cristiane Aparecida Araújo Viana; Danival Martins Pereira, Décio Gabriel Soares; Hormelina Maria Oliveira; Ilma Vicentina Tavares Ferreira; Joana D’Arc Ferreira Alves de Lima; José Benedito Donadon Leal; José Wallace Lopes Martins de Oliveira; Maria de Fátima Oliveira e Silva; Maria Luiza Reis Almeida Oliveira; Rogério Pedrosa Gerçossimo; Rosaura Fonseca; Solange do Carmo Oliveira Silva; e Sônia Sartori Soares Miranda. Criada pela Lei nº 2.301, no ano de 2009, tendo como patronesse a educadora marianense Geralda Ignez Moysés Marques da Silva, a comenda é um tributo aos professores que contribuíram e contribuem para o desenvolvimento educacional de Mariana e de Minas Gerais.

Foto/Crédito: Ascom/CMM

Comentários
Fotos